Pin It

Espiritualidade

Um perfil de Pôncio Pilatos: O governador romano da Judéia

Um perfil de Pôncio Pilatos: O governador romano da Judéia

Pôncio Pilatos foi uma figura chave no julgamento de Jesus Cristo, ordenando às tropas romanas que cumprissem a sentença de morte de Jesus por crucificação.

Como governador romano e juiz supremo na província de 26 a 37 dC, Pilatos tinha autoridade exclusiva para executar um criminoso. Este soldado e político viu-se preso entre o império implacável de Roma e as intrigas religiosas do conselho judaico, o Sinédrio.

Realizações de Pontius Pilate

Pilatos foi designado para cobrar impostos, supervisionar projetos de construção e manter a lei e a ordem. Ele manteve a paz através da força bruta e negociação sutil.

O predecessor de Pôncio Pilatos, Valério Grato, passou por três sumos sacerdotes antes de encontrar um a seu gosto: José Caifás. Pilatos reteve Caifás, que aparentemente sabia cooperar com os supervisores romanos.

Pontos Fortes de Pôncio Pilatos

Pôncio Pilatos provavelmente era um soldado de sucesso antes de receber essa nomeação por patrocínio. Nos evangelhos, ele é retratado como não encontrando falhas em Jesus e simbolicamente lava as mãos do assunto.

Fraquezas de Pôncio Pilatos

Pilatos estava com medo do Sinédrio e de um possível tumulto. Ele sabia que Jesus era inocente das acusações contra ele, mas cedeu à multidão e crucificou Jesus de qualquer maneira.

Lições de vida

O que é popular nem sempre é certo, e o que é certo nem sempre é popular.

Pôncio Pilatos sacrificou um homem inocente para evitar problemas para si mesmo. Desobedecer a Deus para acompanhar a multidão é um assunto muito sério. Como cristãos, devemos estar preparados para assumir as leis de Deus.

Cidade natal

Acredita-se tradicionalmente que a família de Pilatos tenha vindo da região de Samnium, no centro da Itália.

Referenciado na Bíblia:

Mateus 27: 2, 11, 13, 17, 19, 22-24, 58, 62, 25; Marcos 15: 1-15, 43-44; Lucas 13: 1, 22:66, 23: 1-24, 52; João 18: 28-38, 19: 1-22, 31, 38; Atos 3:13, 4:27; 13:28; 1 Timóteo 6:13.

Ocupação

Perfeito, ou governador da Judéia sob o Império Romano.

Árvore genealógica:

Mateus 27:19 menciona a esposa de Pôncio Pilatos, mas não temos outras informações sobre seus pais ou filhos.

Versos-chave

Mateus 27:24
Quando, pois, Pilatos viu que nada estava ganhando, mas antes que começava um tumulto, tomou água e lavou as mãos perante a multidão, dizendo: Eu sou inocente no sangue deste homem, vede a si mesmo.

Lucas 23:12
E Herodes e Pilatos tornaram-se amigos um do outro naquele mesmo dia, pois antes disso eles estavam em inimizade entre si.

João 19: 19-22
Pilatos também escreveu uma inscrição e colocou-a na cruz. Dizia: “Jesus de Nazaré, o rei dos judeus”. Muitos dos judeus leram esta inscrição, pois o lugar onde Jesus foi crucificado ficava perto da cidade, e estava escrito em aramaico, em latim e em grego.

Então os principais sacerdotes dos judeus disseram a Pilatos: “Não escreva ‘O rei dos judeus’, mas sim: ‘Este homem disse: Eu sou o rei dos judeus’.” Pilatos respondeu: “O que escrevi eu tenho escrito.” Veja mais: Aprendendo a Entender e Interpretar o Texto da Bíblia




Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.